GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Colunistas

Jogos Olímpicos e Mudanças Climáticas.


E os Jogos Olímpicos começaram no Rio de Janeiro! Tivemos uma belíssima celebração que surpreendeu, emocionou e recebeu destaque positivo em toda a imprensa internacional.
Uma grande habilidade do ser humano e principalmente do Brasileiro foi destacada com louvor que é a habilidade de agir quando preciso: se quisermos fazer, nos organizamos, unimos esforços e fazemos! E fazemos bonito!

Mostramos uma mensagem de paz, igualdade e preocupação com o meio ambiente. A imprensa diz que nunca na história dos jogos houve uma mensagem ambiental tão forte. Foi fantástico e comovente. Mas como não pensar na nossa Baía de Guanabara poluída, no desmatamento da Amazônia, no descuido com os resíduos, no crescimento desordenado das cidades e nas consequências do aquecimento global?


Falamos bonito para o Mundo, mas o que realmente estamos fazendo dentro de casa? O que você faz como indivíduo e como esta mensagem te tocou? O que você vai mudar no seu dia-a-dia daqui pra frente?

Muitos recordes serão quebrados durante os Jogos Olímpicos e segundos podem ser a diferença entre uma derrota ou uma vitória. No entanto, existe um recorde que não devemos ultrapassar: 1,5oC. Este é o limite de temperatura da sobrevivência do planeta.

Os esportes de inverno estão sendo prejudicados pela falta de neve - 11 das 19 cidades que sediam os jogos olímpicos de inverno não terão condições de fazê-lo nas próximas décadas - e atletas estão desmaiando devido ao calor extremo. Portanto, este é o momento ideal para formar alianças criativas e influentes para o aquecimento global.

Para agir sobre o aquecimento global, precisamos de persistência, espírito de grupo, velocidade e liderança. Todos estas são características inerentes no perfil de um atleta.

O Rio de Janeiro trouxe esta mensagem na abertura dos Jogos e convidou a todos os atletas para plantarem sementes visando a construção da Floresta dos Atletas, um grande legado que espero, crescerá junto, um país com mais união, harmonia e patriotismo. 
 


15 de agosto de 2016

Beatriz Luz

Beatriz Luz

Especialista em Sustentabilidade estratégica e Economia Circular com mais de 10 anos de experiência na Inglaterra. Nos últimos 5 anos atuou na Odebrecht Ambiental e Braskem e teve um papel importante na disseminação do conceito de ACV no Brasil ...

[+] Ver artigos deste colunista